Mostrando postagens com marcador Linguagem. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Linguagem. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 20 de junho de 2018

Toca Em Mim de Novo - Isadora Pompeo







Essa música é muito linda e me toca muito. Gosto muito de Isadora! 



Lembro quando te encontrei
Tudo novo você fez
Os abraços que senti
Me fizeram prosseguir

Várias vezes eu caí
E você me levantou
Eu achava estar bem
Mas me rendo

Eu me rendo
Eu me rendo
Eu me rendo a ti

Eu me rendo
Eu me rendo
Eu me rendo a ti

Toca em mim de novo
Enche-me de novo
Eu não me vejo
Sem tua presença

Toca em mim de novo
Enche-me de novo
Eu não me vejo
Sem tua presença




Rafaela Valverde

Livro A Vida de Nosso Senhor

Resultado de imagem para livro a vida de nosso senhor

Ontem terminei de ler um surpreendente livro de Charles Dickens : A Vida de Nosso Senhor. Surpreendente porque não fazia ideia que existia. Comprei o livro por 10,00 em uma feirinha de livros em um shopping da cidade. Pois bem, Charles escreveu  ou reescreveu uma história resumida da vida de Jesus Cristo, totalmente baseada na bíblia. Com essa história ele queria ensinar essa história a seus filhos quando ainda eram crianças. Nunca quis publicar e só depois de muitos anos de sua morte, seus descendentes resolveram publicar. A edição que comprei é da editora Martins Fontes.

O livro foi escrito entre 1846 e 1849 e é baseado no evangelho de São Lucas, conforme informação da orelha do livro. O manuscrito ficou na família guardado como tesouro na família Dickens por  oitenta e cinco anos, sendo passado de mão em mão. Porém não poderia ser publicado enquanto algum filho do autor estivesse vivo. No ano de 1933 o último filho de Dickens morreu deixando o manuscrito com sua esposa e filhos que decidiram publicar. A primeira edição foi ´publicada em 1934 em Londres e nos EUA e foi um dos livros mais vendidos daquele ano.

O livro é uma narrativa simples, com alguns milagres, parábolas e detalhes sobre a vida de Jesus. Destaquei alguns trechos no final e vou dividir um aqui com vocês:

"Cristandade é AGIR BEM, sempre, mesmo em relação a quem nos faz o mal. Cristandade é amar ao nosso próximo como a nós mesmos e fazer a todos os homens o que desejamos que eles façam conosco. Cristandade é ser amável, bondoso, desculpar e conservar essas qualidades serenamente em nossos corações e, sem vaidade, jamais vangloriar - nos delas, ou de nossas orações, ou de nosso amor a Deus, mas demonstrar sempre que O amamos na busca humilde de agirmos justamente, em todos os sentidos."

É isso!


Rafaela Valverde

Estou muito melhor sem você

Imagem relacionada

Olha só, estou muito bem sem você
Voltei a me exercitar
Pintei o cabelo
Re-encontrei Deus
Não imploro mais por atenção
Ela vem!
Atenção e tudo mais
Olhos se voltam
Quando passo em qualquer lugar
Sem você
Sem seu peso
Olha, estou muito melhor sem você
Nem imaginava, sabe?
É que sou tapada
Acabo cobrindo a visão de mim mesma
E fico vendo mais o outro
Mas agora, depois de umas porradas
Vou me ver mais
Me olhar mais
E preciso repetir:
Estou tão bem sem você!
Se soubesse que ficaria assim
Já teria soltado sua mão
Desde a primeira vez que percebi
Que tu querias partir
Demorei de soltar
Segurei com força
Hoje nem sei o porquê
Não queria ficar sem você
Hoje não sei viver sem mim
Sou muito melhor sem você
Respiro sem achar que estou incomodando
Posso ser eu mesma
Não aquela que você fazia eu ser
Saiba que não me deixou ser um terço do que eu realmente sou
Perdeu!
Brilho no olhar, não mais aquele de paixão
Alívio me alcançou
Eu perdi!
Perdi o medo de me expressar
Brigar e lutar pelo melhor
Nem preciso mais!
Estou otimamente bem sem você!
Ora, ora...
Não preciso mais exigir ser bem tratada
Simplesmente sou e deixo ser
Eu mereço!
Não preciso mais implorar ínfimas e pobres palavras
Elas vêm automaticamente
E, ei psiu?
Estou muito, mas muito bem mesmo
Sem você!
E espero que você finalmente esteja melhor
Que esteja feliz
Sem mim...
E sem você também
É sim, você sem você
Porque é você quem se sabota
Quis me sabotar também
Comigo não!
É você quem afasta as pessoas de você!
Enfim, você se foi
Quis ir
Graças a Deus!
Porque eu estou muito bem, obrigada!
Vou ali ver TV e comer pipoca
Sozinha e também acompanhada.




Rafaela Valverde

segunda-feira, 18 de junho de 2018

Erva daninha


Resultado de imagem para erva daninha desenho


Corro pela rua
O fone no ouvido
Desci da lua
Não quero mais me distrair
Mantenho a mente sempre aberta
Pra não ruir
Piso em tudo o que é menos no chão
A folha seca, formigas, na perna arranhão
Cai o sangue, ferida aberta
Sangra!
E justo quando está para cicatrizar
Vem outra erva daninha e arranha
Justo quando estou caminhando
Olhando para frente
Na estrada tacanha
Que a vida é...
Mas não posso mais deixar
Que sofra a minha mente
Corpo e coração
Eu já disse coração?
Não importa!
Quebro a rima
Para clarear
O quanto quero estar pra cima
A partir de agora
Imaginar
Mas também viver
A vida aqui fora
Fora de mim
Suspirei
Fui na farmácia, comprei antisséptico
Pra matar tudo isso, enfim
Estou atenta
Distrair para me destruir, não mais
A erva, a daninha, até tenta
Mas eu já superei!




Rafaela Valverde

Ainda Assim Eu Me Levanto - Maya Angelou


Resultado de imagem para maya angelou

Precisamos conhecer poetas e poetisas negros!!!

Você pode me riscar da História
Com mentiras lançadas ao ar.
Pode me jogar contra o chão de terra,
Mas ainda assim, como a poeira, eu vou me levantar.

Minha presença o incomoda?
Por que meu brilho o intimida?
Porque eu caminho como quem possui
Riquezas dignas do grego Midas.

Como a lua e como o sol no céu,
Com a certeza da onda no mar,
Como a esperança emergindo na desgraça,
Assim eu vou me levantar.

Você não queria me ver quebrada?
Cabeça curvada e olhos para o chão?
Ombros caídos como as lágrimas,
Minh’alma enfraquecida pela solidão?

Meu orgulho o ofende?
Tenho certeza que sim
Porque eu rio como quem possui
Ouros escondidos em mim.

Pode me atirar palavras afiadas,
Dilacerar-me com seu olhar,
Você pode me matar em nome do ódio,
Mas ainda assim, como o ar, eu vou me levantar.

Minha sensualidade incomoda?
Será que você se pergunta
Porquê eu danço como se tivesse
Um diamante onde as coxas se juntam?

Da favela, da humilhação imposta pela cor
Eu me levanto
De um passado enraizado na dor
Eu me levanto
Sou um oceano negro, profundo na fé,
Crescendo e expandindo-se como a maré.

Deixando para trás noites de terror e atrocidade
Eu me levanto
Em direção a um novo dia de intensa claridade
Eu me levanto
Trazendo comigo o dom de meus antepassados,
Eu carrego o sonho e a esperança do homem escravizado.
E assim, eu me levanto
Eu me levanto
Eu me levanto.


Original em inglês: Still I Rise
Tradução de Mauro Catopodis



Rafaela Valverde

terça-feira, 12 de junho de 2018

Crescente fértil - Carina Castro

Resultado de imagem para carina castro poetisa


enquanto estendo as roupas
no varal
torço
pra que não chova
enquanto eu estiver fora
seria toda uma tarde enxuta
encharcada
tem também aquela goteira
insistente
pra amparar
pode vir de vento
sem aviso
dependendo da força
entra pelas frestas
da janela
inundando dentro
enquanto se acaba
a civilização
lembro que tenho que me virar em comida
pra suprir fomes alheias
confirmo no calendário o dia que o gás acabou/
localizo a lua crescente
– tempo certo –
pra cortar
os cabelos
pra que cresçam
subo a ladeira quase-sem-fôlego
me sinto sedentária
lembro que tenho
um corpo
mas não lembro
quando assentei poeira no chão
finquei raízes
ergui e pari o mundo
[e o que fez de mim a civilização?]
concebia-me sem pecado
e me embalava com muita graça
quando não temia
a época das cheias
que batiam no peito
não dava pé e não sabia nadar
que vinham
lavando e levando tudo
trazendo feras
peixes à beira da loucura
num transbordar infinito
prateando tudo até que tudo apodrecesse
tornando a lama, lume
crescente fértil
leito de nanã
dou de beber a tantas sedes
que a estiagem sempre é certa
corro pra tirar as roupas do varal
mas no fundo quero
que meu corpo encharque



Rafaela Valverde

A igreja deve estar sim conectada ao contexto social e político

Resultado de imagem para igreja e sociedade

Eu tinha uma visão bem diferente de igrejas, sobretudo as protestantes. Em vários sentidos. Pois hoje estou tendo a oportunidade de mudar minha visão, sobretudo no que se refere à questão que vou levantar agora: a igreja deve estar conectada com o contexto social e cultural em que está inserido. Sim! Não podemos ser e ter uma igreja alienada, distante das pessoas e distante da comunidade e da sociedade.

Pois bem, no último domingo estava na igreja, em um culto de missões, e este foi contextualizado  com dados estatísticos da Secretaria de Segurança Pública do estado da Bahia em relação aos casos de assassinato em nosso estado em apenas um final de semana. Dados foram dados com detalhes e discutidos aliados ao tema de missões e versículos bíblicos.

Em vários outros momentos, foram trazidas ideias e questões sobre a situação atual do nosso país. Vamos mal econômica, social e politicamente. E isso não deve estar de fora de nenhum ambiente. Devemos discutir essas questões. A corrupção também foi pauta do culto e de nossas orações. Críticas à política partidária e aos políticos que se aproveitam das igrejas para angariarem votos, ou ainda aqueles que são honestos mas não conseguem ser eleitos.

O pastor nos perguntou em quem tínhamos votado há quatro anos. Se ainda nos lembrávamos. E que éramos responsáveis por tudo que acontecer a nossa nação, pois não sabemos escolher, não sabemos votar com discernimento e inteligência. Foi ressaltado também que Deus nos deu inteligência, capacidade de escolha e livre arbítrio. E na verdade temos escolhido e agido muito mal. Além de votarmos mal, ainda por cima não queremos nem ouvir falar em política com nossa eterna preguicite aguda. Sobretudo, de pensar.

Achei importante a igreja trazer essa reflexão. Fazendo associações, relacionando fatos e ideias. Isso é bastante inteligente. Eu tinha uma visão muito distorcida, como já disse. Eu achava que crente era burro, que só lia a bíblia e nada mais. Achava que crente não tinha capacidade de falar nada que não fosse suas crenças e julgamentos da vida alheia. Mas estou mudando meus pontos de vista e sou dessas que lê, estuda e procura se informar, além disso, procura votar e agir. Além de me interessar por política. Até porque se a gente, pessoas boas, não nos importamos com política, acabamos deixando nas mãos de pessoas más. Isso, igreja! Esteja sim envolvida em causas sociais e políticas, porque sabendo podemos argumentar e argumentando podemos cumprir nossas obras.



Rafaela Valverde

sábado, 9 de junho de 2018

Filme Uma Questão de Fé

Resultado de imagem para filme uma questÃO DE FÉ

O filme Uma Questão de Fé, originalmente  A matter of faith, é um filme cristão lançado em 2014 no Brasil. Tem duração de 128 minutos, é dirigido por Rich Christiano e tem na Netflix. Enfim, gostei bastante do filme por ele ser bastante esclarecedor em alguns conceitos e questões relacionadas ao Criacionismo X Evolucionismo. Questões como: "como uma natureza tão sábia e inteligência pode ter surgido de uma explosão de algo qualquer?" Essa foi uma frase que me marcou muito no filme e  há discussões interessantes ao longo do filme.

A matter of faith traz a história de Rachel Whitaker, uma menina cristã que vai para a universidade e se depara com aulas de biologia que deixam sua fé um pouco abalada. O professor é defensor ferrenho da teoria da evolução e pauta suas aulas sempre relacionadas à essas questões. O pai de Rachel percebe a mudança da filha e decide fazer alguma coisa sobre isso. A partir daí o filme vai se desenrolando até o dia da decisão de Rachel sobre a sua fé.

A temática do filme é boa, porém questões como atuações e produção deixam a desejar um pouco.  Mas penso que vale a pena, pois me fez pensar em várias ideias que ainda não havia pensado, especialmente sobre a criação do homem.




Rafaela Valverde

segunda-feira, 4 de junho de 2018

Primeiro beijo

Resultado de imagem para primeiro beijo

Eu ainda lembro do nosso primeiro beijo
Você lembra?
Foi de repente
Não pude evitar
Nem tentei 
Me pegou de surpresa
Porque era eu quem queria beijar primeiro
Fiquei sem coragem
Daí você veio
Tranquilamente
Como se fosse a coisa mais natural a se fazer
E era!
Foi na hora certa
Porque eu já estava querendo 
Dizer que foi ótimo é tão clichê
Não foi ótimo
Foi indizível
Inefável
O primeiro de muitos
O mais especial
Foi ali que me apaixonei
O shopping que estava cheio ficou vazio
No momento que você me beijou
Só tinha nós dois ali
Naqueles segundos
Ou minutos?
Ou horas?
Sei lá!
O tempo parou
Quando você me beijou
Soube naquele momento que não quereria mais te deixar!
Ainda lembro do primeiro beijo que você me deu
O melhor de tudo é que partiu de você
Foi iniciativa sua
E isso, meu bem, não dá para apagar!



Rafaela Valverde


sábado, 2 de junho de 2018

Metonímia - Lívia Natália


Resultado de imagem para lívia natália

Meu pai colocou meu nome num barquinho que comprou.
É miúdo.
Uma insignificância no meio do oceano de vaga vaga.
É reles.

De uma cruel e desleixada vileza.
De uma pequenez quase lírica.

É reles.

Mal cabem nele dois homens e o isopor para a pescaria.

Mal cabem dois homens.

Talvez somente ele – solitário – e o isopor.

Mas, como no milagre,
o barco que leva o meu nome caminha sobre as águas.



Poema do livro Água Negra



Rafaela Valverde

quarta-feira, 30 de maio de 2018

Devaneios

Resultado de imagem para devaneios



Queria viajar contigo
Para lugares do mundo
Para lugares em nós
Em você e em mim há viagens, excursões
Quero explorar seu corpo e  re-conhecer sua alma
Quero viver com você
Por muitos e muitos anos
Viajando, abraçando, amando sorrindo
No meu corpo
Na minha mente
E no que sou hoje
Você é luz pra mim
Deus me disse que sim
E é você quem eu quero
Já reparou o quanto cito o nome de Deus?
Ele me confirma que você é o meu amor
E em você quero viver
Viajar
Respirar
Quero viajar contigo
Nas tardes de domingo
Vendo TV
Deitados no sofá
Só quero estar com você!

Discernimento e livre arbítrio

Resultado de imagem para vontade de deus

As pessoas têm uma ideia errônea, a meu ver, que a gente precisa sair do resto da nossa vida para ser cristão. Olha só, tenho uma novidade, não é necessário se alienar de tudo para servir e amar a Deus. "Fulaninho não é crente, não vou mais falar com ele... " "Sicrano é assim e assado, vou me afastar..." ou então "Não vou mais ver essas séries, filmes e ler esses livros mundanos, só vou ver coisas edificantes..."

Tá. Ok. Então se feche em seu mundinho crente e fique aí sozinho, chato e sem assunto. Vai estar em encontro de família, na faculdade, no trabalho ou sei lá mais onde e não vai saber de nada que se passa no mundo. Nada de cultura jovem, nada de cultura feminina, nada de cultura geral. Nada. Mal sabe falar sobre a bíblia e sobre Jesus, até porque Jesus pregava o amor. Seus seguidores o seguiam porque percebia seu amor. Mas, nem vejo esse tipo de pessoas falando no amor dEle. Como se aproximar de alguém para falar de Jesus se mal sabe falar de Jesus e nada sabe sobre cultura geral?Até porque todo ser humano é dotado de cultura e está inserido na cultura da sua comunidade, então é impossível viver totalmente afastado disso.

Pois bem, eu ainda posso escrever literatura, estudar, ver filmes, ter hobby, lazer e atividades culturais. Tenho livre arbítrio garantido por Deus e eu que aguente as consequências dos meus atos, com Ele. Com Ele. Com mais ninguém. É óbvio que é necessário, é obrigação, respeitar e obedecer a palavra de Deus. Mas não vejo porque viver num "pode-não-pode" exigido por pessoas, seres humanos iguais a mim. Eu, a medida que vou em que vou conhecendo e estudando a palavra de Deus, não apenas lendo e decorando versículos, eu mesma vou percebendo o que me apetece ou não. O que devo fazer ou não. Não preciso que ninguém fique me falando. Na verdade, nem eu nem ninguém. Tenho discernimento suficiente, sou uma pessoa adulta e já saí do pior.

A falta de um relacionamento com Deus  e muitas vezes a preguiça de estudar, de meditar, de ver o contexto do texto bíblico, implica na falta de conhecimento dEle e de Sua palavra. Nós temos capacidade  de escolha. Capacidade essa dada por Deus. Portanto, precisamos saber escolher, porque o tempo de Deus é diferente do nosso e uma hora vai ser preciso usar nossa capacidade para escolhermos sozinhos.

É preciso pedir orientação a Deus. Se Ele não responde no nosso tempo, é porque ele vai responder no tempo dEle ou então está esperando que nós usemos nossa inteligência, discernimento, livre arbítrio e conhecimento da palavra - minimamente. Uma hora, em determinado momento da vida será necessário agir e nesse agir aos poucos ir pedindo o direcionamento de Deus. "Senhor, é isso aqui mesmo? Se não for não deixe chegar ao fim..." Enfim, tem muitas formas de fazer isso.

Às vezes a gente fica com preguiça ou então com medo de fazer a escolha errada e acaba esperando muito por uma resposta divina só para se eximir de culpa ou responsabilidade. Queremos imediatismo e ao mesmo tempo queremos que Deus nos diga tudo, nos mostre um sinal ou nos confirme algo através de alguém, porém em muitos casos a resposta já está em nossa cara, na bíblia. Das duas, uma: ou  não lemos ou não estamos sabendo interpretar o que estamos lendo. De um mês pra cá pude perceber que a bíblia não é um livro tão difícil assim de se entender como eu achava antes. Então, força, vocês também conseguirão entender. Beijos de luz!



Rafaela Valverde

terça-feira, 29 de maio de 2018

Essa poesia de estar sem você

Resultado de imagem para amor

Eu não sei exatamente o que sinto quando olho pra você
Se não é amor, é o quê?
Daquele que Deus criou e deu pra gente
E você nem invente
Dizer que estagnou, sei lá, acabou...
Eu não vou acreditar, ah por favor!
Foi Deus quem colocou você na minha vida
E você colocou Ele nela, temos uma dívida
E quero pagar com amor
Mas você me afastou
Hoje sigo saudosa
Nem escrevo mais prosa
Só essa poesia de estar sem você
Estatela na cabeça, é de doer!
Ao acordar, ao deitar
É ao seu lado que quero estar
Descobrindo o que sinto quando te olho
Tento falar e escrever, mas me embolo
Fico nervosa perto de você, nunca percebeu?
Sem ti, se vai a luz, fica o breu
É claro que é amor!
Nem ouso duvidar mais dessa cor
Que nasce em meu rosto quando te vejo
E que nasceu em minha vida, desde que você chegou nela, meu desejo
É você, disso eu sei
Enviado pelo Rei
Ele mesmo me diz em intimidade
Que nosso amor é realidade
Você precisa deixar de orgulho
Ele só acumula entulho
E não combina com amor
Orgulho só traz dor
É bíblico: orgulho ou soberba traz destruição
Humildade é nossa obrigação
Mas, então por que orgulho com quem te ama?
O que temos é chama!
Que poucos têm a oportunidade de viver em tão pouco tempo
Pense bem, é meu alento
Saber da gente
Vou esperar paciente
O dia de você se dar conta
Estarei aqui pronta
Sabia que eu mudei?
A Deus clamei
Pedi que Deus me transformasse
E que você visse
Uma hora verá
Não preciso gritar
Eu olho pra você e amo tudo
Até seu olhar carrancudo
Espero que leia
Faça de mim uma nova ideia
É só o que eu posso dizer
Eu amo você!




Rafaela Valverde

domingo, 27 de maio de 2018

Eu-Mulher - Conceição Evaristo

Resultado de imagem para conceição evaristo


Uma gota de leite
me escorre entre os seios.
Uma mancha de sangue
me enfeita entre as pernas.
Meia palavra mordida
me foge da boca.
Vagos desejos insinuam esperanças.
Eu-mulher em rios vermelhos
inauguro a vida.
Em baixa voz
violento os tímpanos do mundo.
Antevejo.
Antecipo.
Antes-vivo
Antes – agora – o que há de vir.
Eu fêmea-matriz.
Eu força-motriz.
Eu-mulher
abrigo da semente
moto-contínuo
do mundo.



– Conceição Evaristo, no livro “Poemas da recordação e outros movimentos”. Belo Horizonte: Nandyala, 2008.





Rafaela Valverde

Querido amigo ateu - Fabiana Bertotti


Descobri Fabi essa semana. Ela é jornalista, escritora, casada com um pastor e é Adventista. Não concordo com algumas coisas que ela fala, mas nesse vídeo eu concordo com tudo. Não adianta ser uma pessoa chata, até porque você não converte ninguém, quem converte é o Espírito Santo. Pode até pregar, mas antes viva em sua vida o que está pregando. Seja uma pessoa agradável pra falar de Jesus porque ele não merece gente chata achando que segue ele e proliferando mentiras e intolerâncias em Seu nome. Enfim, vejam o vídeo.



Rafaela Valverde

quinta-feira, 24 de maio de 2018

Compasso de lágrimas

Resultado de imagem para lágrimas

A folha brinca com o vento
Seca, sem vida
Eu em desalento
Achei que essa parte estava resolvida
Mas, olha só!
Cá estou eu
Sentindo dó
De mim mesma e do que se perdeu
Lágrimas jorram lentamente
No movimento da folha que dança
Não há mais quem tente
Mas não perco a esperança
Não há mais quem tente
Mas não perco a esperança
Não há mais quem queira
Ficar comigo  nessa solidão
E assim dessa maneira
Transformá- la em uma linda união
Já me sinto quase certa
Que não nasci para ver folhas secas com alguém
Sozinha e alerta!
Para o tal amor que ainda vem
Não quero mais!
Tô dispensando
Chego pra trás
Folhas dançando
E eu aqui sentindo autopiedade
Estou em silêncio mas a mente em alarde!



Rafaela Valverde

Eu te conserto

Resultado de imagem para deus



A Ti devo tudo o que sou
Por isso diariamente minha vida te dou
Sinto que perdi tanto tempo
Mas agora estou aqui
Ficar longe não mais aguento
Da Sua graça fugi
Mas Seu amor é imbatível
Me fez voltar
Na Sua presença hoje vivo
E tem sido perceptível
Me ajudou a mudar
Como conscientiza Sua palavra
Vi que era muito briguenta
Vivia me queixando
Bradava sem objetivo
E assim ninguém aguenta
É melhor viver num deserto
Como o livro Provérbios está mostrando
Então meu amor se foi
Mas me abri e Tu me disse: "Eu te conserto"
Ele não volta, mas não tenho mais bad
E tens me moldado
Dia após dia
Obrigada Jesus
Por me tirar daquela agonia
A Ti devo muito mais do que sou!




Rafaela Valverde

sábado, 19 de maio de 2018

Sintomas e dizeres da vida

Resultado de imagem para vida


Hoje estou a fim de escrever. Talvez botar pra fora um pouco do que tenho sentido nas últimas semanas. Meu corpo está diferente. Algo não está igual. Talvez a maior diferença que já senti na vida. Não vou explicar exatamente do que se trata. Não hoje. Tudo ainda está bem obscuro. Não sei o que se passa. Minha saúde está boa, mas meu corpo vem sofrendo algumas alterações. Sinto um cansaço inexplicável e às vezes sinto vontade de chorar. Em quase todas as vezes eu choro. Já chorei no ônibus, andando na rua, já chorei no culto durante a homenagem ao dia das mães. Em alguns casos me sinto bem irritadiça também. Dores. Desânimo. Cansaço. No entanto me sinto indescritivelmente feliz e realizada. Não há nada que eu queira mudar na minha vida nesse momento. O que ocorre é que vinha querendo algo e me ajoelhava pedindo a Deus, mas não sei se quero mais. Estou sentindo várias coisas, várias indisposições e indecisões, mas ainda assim, sinto um amor no meu coração. Sinto vontade de dar boa tarde a meus desafetos e dou. Para que manter desafetos? Por que tanta birra? Sou tão amada por Deus que nem me ouso não corresponder da mesma forma. Não tenho medo de despejar de volta no universo tudo isso. Hoje estou a fim de escrever mas não posso escrever exatamente o que queria escrever. Me contento com esse texto cheio de incógnitas. Estou aqui assistindo Breaking Bad enquanto digito e enquanto bebo água. Fico tentando como sempre ocupar minha mente o tempo inteiro para não pensar, para não sentir certos sintomas que têm tomado conta do meu corpo há semanas. Além disso em mente ocupada não entra gente inoportuna. Gente que não deveria mais estar nela. Gente que deveria estar me apoiando e dividindo esse momento comigo. Mas não. As outras pessoas sempre se isentam. Nunca é problema delas. Especialmente se essas pessoas forem do sexo masculino. Os homens são criados e crescem descompromissados. Esse é um sinal da nossa geração. Hoje estou a fim de escrever. Dizer baboseiras. Falar o que ninguém quer ouvir - ou ler. Sei lá. Às vezes parece estranho o tanto de vezes em que a gente rejeita o amor e companhia de Deus, enquanto Ele sempre está lá. Esperando por nós. O dono de tudo.. O dono de toda a certeza. O mesmo Deus que me empresta um pouco dessa certeza e me faz acreditar no que ninguém acredita. Nos sinais que meu corpo está dando. Nos sinais que a vida está dando. Eu não ouso mais ignorar os sintomas e dizeres da vida. Porque ela agora, a minha vida, está sendo traçada por Deus. Está entregue a Deus. Meu corpo. Meus sintomas. Minha vida. E as pessoas que fazem parte dela. E até as que não querem fazer parte dela. E as pessoas que me detestam. Deus está com elas também. Meus sinais. Meus sintomas. Hoje estou a fim de escrever. Espero que ninguém entenda!



Rafaela Valverde
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...